A “dor nas costas” é a queixa dolorosa mais comum entre a população em geral. Uma das formas de combater este incômodo é o Pilates.

A “dor nas costas” é a queixa dolorosa mais comum entre a população em geral. Uma das formas de combater este incômodo é o Pilates.

Olá!

Tudo bem com vocês?

A “dor nas costas” é a queixa dolorosa mais comum entre a população em geral.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), todas as pessoas enfrentarão dor nas costas ao menos uma vez na vida. A má postura no dia a dia e o excesso de tempo gasto na frente do computador, além do uso de bolsas pesadas e calçados inapropriados, podem causar danos ao corpo, principalmente para sua base estrutural: a coluna.

Uma das formas de combater este incômodo é o Pilates. A atividade possui técnicas apropriadas que auxiliam no alívio das dores através de um eficaz fortalecimento de musculaturas profundas e certeiras na reeducação postural, como os multífidos, que atuam como estabilizadores da coluna. São esses músculos que – quando saudáveis – mantêm a coluna posicionada no seu lugar, sem desvios.

pilates

O criador do Método Pilates, Joseph Humbertus Pilates, nasceu na Alemanha em 1880 e viveu sua infância fragilizada por algumas doenças. Por isso, se dedicou à melhora da condição física praticando ginástica, mergulho, esqui e boxe.

Em 1926 Joseph Pilates mudou-se para Nova York onde fundou seu primeiro estúdio e denominou seu método de Contrologia, ou seja, o controle consciente de todos os movimentos musculares do corpo.

pilates -

Este método consiste em uma série de exercícios físicos que buscam a harmonia entre o corpo e a mente. É um treinamento físico e mental que melhora a consciência corporal por trabalhar o corpo como um todo. Envolve contrações isotônicas e, principalmente, isométricas, com ênfase no powerhouse ou centro de força que é composto pelos músculos abdominais, glúteos e paravertebrais lombares – responsáveis pela estabilização estática e dinâmica do corpo e promovem a manutenção da boa postura.

Os músculos paravertebrais também são trabalhados no Pilates, auxiliando na manutenção da coluna ereta. Já o músculo quadrado lombar auxilia na extensão de tronco (quando inclinamos o tronco para trás) e também na rotação de tronco (movimento feito quando estamos no banco da frente do carro e pegamos a bolsa no banco de trás). Por último, o Pilates trabalha o trapézio, músculo responsável pelos movimentos de ombro, cabeça e diafragma -músculo da respiração.

bola de pilates

O Pilates pode ser praticado por qualquer pessoa, de qualquer faixa etária. Mas antes de iniciar os exercícios, principalmente para quem já apresenta dor na coluna, é fundamental a avaliação física de um profissional qualificado.

CUIDADO: Ao buscar um local para a prática do Pilates, observe a qualificação dos profissionais e se você será atendido com exclusividade. Indica-se que tenha um professor para cada dois alunos.

O Pilates trabalha corpo e mente, com ênfase na respiração e consciência corporal, promovendo assim, o bem estar físico e mental.

Um abraço

Comente aqui.