Adega em casa.

Adega em casa.

Para quem aprecia um bom vinho no conforto do lar, manter as garrafas em um abrigo seguro é essencial para preservar seu gosto original. O sol, a luz, a umidade excessiva e, até mesmo, a forma como você coloca o vinho para descansar podem influenciar no paladar final. O bom é que as adegas climatizadas cumprem bem o papel de proteção à bebida e são simples de entender até para quem está começando a sua coleção de vinhos.

Esses eletrodomésticos representam um investimento no final das contas. Pense em quanto você paga em uma garrafa de vinho. A adega, na proporção, é muito menor a esse custo. Se você deseja que a sua coleção esteja segura, aposte conferindo estas dicas:

Tamanho da adega.

Tudo começa pela quantidade de vinhos e também pelo tamanho das garrafas que você coleciona em casa ou consome.

Uma dica simples é fazer os cálculos antes de adquirir a adega. Se você consome mais de dez garrafas por mês, pode apostar em um modelo básico.

vinhos

Manutenção dos vinhos.

Nem todos os vinhos guardados na sua adega climatiza vão melhorar com o tempo, isso porque nem todos são vinhos de guarda ou melhoram com o tempo. Eles vão estar protegidos dos fatores externos, como a luz ou a umidade que podem ser visíveis na sua casa, mas faça a seleção de quais devem ficar armazenados se o espaço for pequeno, por exemplo.

vinho

Funcionalidades extras.

Não vão faltar algumas brincadeiras a mais para quem gosta de vinho acertar na compra da adega. Os modelos já estão disponíveis com controle eletrônico, display de temperatura, iluminação interna por LED, prateleiras reguláveis e muito mais.

adegas

Para não ficar indeciso, leve em conta o que mais deve ser útil. As prateleiras reguláveis, por exemplo, são importantes em função do formato da garrafa. O controle eletrônico é para quem procura mobilidade.

adega-em-casa

Já selecionou o seu tipo de adega ou tem dicas para quem está procurando um modelo? Deixe o seu comentário aqui no blog!

Um abraço.

Comente aqui.