O Instagram ganhou uma atualização.

O Instagram ganhou uma atualização.

O Instagram ganhou uma atualização nesta terça-feira (6) para dar maior controle aos usuários. O update, que vai chegar aos poucos e para todos nas próximas semanas, torna possível curtir comentários ou desativá-los em posts individuais, além de remover seguidores sem bloqueá-los.

Não é o primeiro esforço da rede social em melhorar suas formas de interação no feed. Recentemente, a plataforma do Facebook ganhou ferramentas de prevenção ao suicídio e moderação automática de comentários para diminuir o conteúdo ofensivo na comunidade.

Antes fazer um post, acesse as “Configurações Avançadas” e toque em “Desativar comentários”. O processo é reversível.

Basta tocar, a qualquer momento, no menu de três pontos para ativá-los novamente. A função já havia sido ativada para algumas contas e agora estará disponível para todos.

Antes fazer um post, acesse as “Configurações Avançadas” e toque em “Desativar comentários”. O processo é reversível.

Basta tocar, a qualquer momento, no menu de três pontos para ativá-los novamente. A função já havia sido ativada para algumas contas e agora estará disponível para todos.

Remover seguidores em contas privadas

Para os usuários que preferem manter a conta do Instagram privada e aprovar cada seguidor, a rede social trouxe uma nova função: será possível removê-los da sua lista de seguidores.

Antes do update, depois de aceitar uma solicitação para segui-lo, não havia uma forma simples para o dono da conta desfazer essa ação, sem precisar bloquear alguém — o que impede, por exemplo, que ambos visualizem os perfis um do outro e suas fotos.

Agora, basta acessar a mesma lista de seguidores e configurar no menu de três pontos, ao lado do nome de cada pessoa, se ela pode ou não seguir o seu perfil e ver seus posts, sem bloqueá-la completamente da sua rede de contatos.

É válido destacar que notificações não serão enviadas para aqueles que forem removidos e que o recurso só está disponível para usuários de contas privadas.

Comente aqui.